Portal GSTI
Portal GSTI

PublicarCadastre-seLogin
Menu
foto de
William Meller

Como vão seus planos para esse ano que está começando?


Você está se preparando para que 2017 seja um ano especial para você? Construa planos realistas para que 2017 traga exatamente o que você merece.

Muitos planos e objetivos que traçamos dependem de outras pessoas, empresas ou até de acontecimentos que ficam ainda mais longe de nosso alcance, como no caso atual, a crise política.

Mas o que nos resta a fazer é tentar chegar o mais próximo possível daquilo que planejamos para nossa vida.

É verdade que muitas vezes é difícil fazer planos concretos e traçar objetivos para serem cumpridos. Mas não podemos simplesmente deixar o ano entrar sem objetivos de realizações claras em nossa mente.

Não tenha dúvida de que fazer planos e trabalhar arduamente é importante.

Mas ainda, mais importante que tudo isso, é você aproveitar cada momento e viver intensamente cada segundo. Aproveite os momentos com as pessoas que você gosta, ajude aos outros sem esperar nada em troca e saiba de seu papel como ser humano, suas responsabilidade e deveres.

Planeje sua vida de forma ética principalmente, pois seus planos não devem passar por cima e nem sufocar os planos de outras pessoas.

É preciso ter coragem e força de vontade para superar o medo e vencer os desafios de se expor para se tornar um vencedor, assumindo os riscos de um comportamento proativo e inovador.

Além de tudo, tenha sempre pensamento positivo naquilo que for planejar e executar. Acredite em você mesmo e saiba que todos seus sonhos e objetivos são defendidos e representados apenas por você, e as oportunidades não batem à porta de sua casa ou procuram você na sua cama.

Uma coisa que tenho o hábito de fazer é traçar cinco metas que sei que, com bastante esforço, conseguirei atingir. E mais uma meta específica que sei que será praticamente impossível de alcançar, mas que ainda assim tentarei.

É essa meta alta que serve como “ancoragem” para realizar as outras.

Pense da seguinte forma: Se sua meta é vender 100 números de rifas, pode ser que seu cérebro interprete a meta como extremamente difícil. Mas se você estabelecer 1000 números como meta (ancoragem), aqueles 100 iniciais serão moleza.

COMPARTILHE

William Meller
William Meller21 Seguidores 7 Publicações Gerente de Projetos, Estudante, Analista de Conteúdo
Seguir
Fundador do Portal Sucesso Jovem, Analista de Projetos/PMO na Totvs, Voluntário no PMI e colunista de diversos sites.

Comentários