Publicação

Gerenciando discos com Stratis: Snapshots

Olá!

Dando continuidade ao tutorial de Stratis, vou mostrar como trabalhar com snapshots, que assim como vemos em virtualizadores, podem ser muito úteis para reverter situações em nosso pool de discos.

Para fazer um teste, vou criar alguns arquivos em disk3, que é o diretório onde meu pool está montado;

O comando fica: stratis filesystem snapshot disk-pool filesystem snap150719. Onde disk-pool é o nome do meu pool, filesystem é o nome do meu filesystem e snap150719 é o nome do meu snapshot. Recomendo nomes que sejam de fácil lembrança, uma boa opção é incluir a data no nome.

Listando o conteúdo do pool, é possível ver que o snapshot foi criado: ls /stratis/disk-pool/

Para testar, vou remover os arquivos que criei anteriormente com o comando rm -rf /disk3/ 

O snapshot precisa ser montado em um diretório para ser acessado;

mkdir /restore

mount /stratis/disk-pool/snap150719 /restore

Verificando o conteúdo, é possível ver que os arquivos apagados de /disk3 estão todos lá;

Basta copiar os arquivos deste diretório de volta para /disk3 ou outro lugar qualquer;

Feita a cópia, o snapshot pode ser desmontado: umount /stratis/disk-pool/snap150719 -l

Para apagar um snapshot, o comando é: stratis filesystem destroy disk-pool span150719

Pronto, essa foi a conclusão de uma pequena demonstração da ferramenta Stratis.

Espero que tenha sido útil,

Abraço!

Comentários