Portal GSTI
Portal GSTI

PublicarCadastre-seLogin
Menu
foto de
Marco Mascarenhas

Google está dando um "tiro no pé" da dupla Adsense/Adwords?

O Google  é o principal motor de busca do mundo e está constantemente em processo de evolução. Seu algoritmo, periodicamente, é alterado para trazer melhores resultados para os usuários que utilizam seu sistema de pesquisa. O que tem incomodado muitos criadores de site (produtores de conteúdo) é o fato do Google está trazendo na SERP (Search Engine Results Page) o conteúdo que normalmente é oferecido por sites especializados.

Abaixo 3 exemplos:

  • Pesquisa para ver a tabela do brasileirão


  • Pesquisa para saber o que é figuras de linguagem


  • Pesquisa para saber o clima em Salvador


Por um lado, as informações estarem aparecendo na página de resultados do buscador faz com que o Google se fortaleça cada vez mais e entregue aos usuários o que eles precisam (que é o objetivo principal do sistema de pesquisa). Além disso, esse tratamento dos dados que são gerados através da inteligencia coletiva ajuda também na evolução do Google Now. Claro que isso é um ponto positivo, quanto mais a ferramenta for assertiva e trouxer os resultados esperados de forma rápida, menos espaço abre pra outros concorrentes.

O problema está no outro lado da moeda. Esse conteúdo que o Google tem utilizado na SERP é gerado pelos próprios anunciantes, que contam muitas vezes com as visitas vindas do Google (trafego orgânico) e que tem diminuído consideravelmente os acessos. Os criadores de sites normalmente utilizam como forma de monetização o Google Adsense. Então, acompanhem comigo o raciocínio:

  1. Um usuário vai até o Google e pesquisa por uma determinada palavra-chave;
  2. Encontra o resultado na própria SERP, não entra no site que traria essa informação, não vê e, consequentemente, não clica na publicidade (#Adsense) que foi colocada no site;
  3. Não gera visita pro anunciante (aquele que divulgou no #Adwords seu produto).

Claro que existem as publicidades que aparecem na própria SERP e que o Google vai continuar ganhando com isso, mas em menor quantidade pois, os resultados desses widgets ficam a cima da publicidade. Mas, e os criadores de conteúdo? E os anunciantes que vão ter seus produtos com menos visibilidade?

Na minha opinião, o que vai acontecer é que muito do conteúdo que hoje é livre devido a remuneração dos sites vir através da publicidade, passará para conteúdos exclusivos e que poderão ser acessados mediante pagamento de planos de acesso. 

Obs: Quem trabalha com #SEO não deve estar muito feliz, não é?

O que vocês acham?

COMPARTILHE

Marco Mascarenhas
Marco Mascarenhas67 Seguidores 21 Publicações CEO, Analista de SEO, Analista de Métricas, Cientista da Computação
Seguir
Sou formado em Ciência da Computação pela Universidade Federal da Bahia e trabalho com SEO desde 2008. Me interesso muito por marketing digital, desenvolvimento de sistemas, cerveja e praia.

Comentários