Portal GSTI
Portal GSTI

PublicarCadastre-seLogin
Menu
foto de
Claudio Gomes Silva Leite

Como não depender do Google

O artigo de hoje se trata especificamente de como não depender do Google, claro que o Google é muito importante para o sucesso de qualquer projeto na internet, e é muito melhor trabalhar em conjunto com o Google para que as coisas andem nos conformes e tenhamos múltiplas fontes de tráfego.

Mas e se criarmos uma fonte de tráfego paralela, sem que necessariamente dependemos do Google para tudo, acredito que seja uma atitude necessária e que temos que tomar cedo ou tarde.

Sabemos que os buscadores sofrem constantes atualizações e que nessas atualizações muitos blogs perdem muito tráfego, e que muitas das vezes fica até difícil de recuperar esse tráfego perdido e nessa situação muitos blogueiros começam a desanimar. Pensando nisso, eu resolvi postar esse artigo sobre como não depender do Google para tudo.

Como não depender do Google

Não estou dizendo que nós blogueiros devemos esquecer o Google, esquecer o SEO e tudo mais, até porque não dá, no dia em que o Google parar de indexar qualquer página provavelmente essa página vai sumir da rede (óbvio), mas se o dono dessa página se preparar antes, ele não vai sofrer tanto assim.

Construa imediatamente sua lista

Se você quer aprender a como não depender do Google, a primeira dica é criar sua lista. E essa lista vai ser um dos seus bens mais preciosos, ela vai ser um ativo. Pois nela vai estar pessoas que gostam, acreditam e confiam em você, cuide bem dessa lista.

O bom da lista é que ela proporciona tráfego de qualidade, ou seja, pessoas reais interessadas no você tem a dizer e compartilhar, por isso, compartilhe coisa boa, dê o seu melhor e eles se sentirão a vontade para curtir, comentar e compartilhar.

Outro ponto positivo em construir uma lista é que se aumenta a possibilidade de ganhos na internet, perceba que todos os blogueiros que ganham dinheiro online possuem lista de emails e diga-se de passagem uma vasta lista de emails.

Você pode construir uma lista de diversas maneiras, uma maneira bem legal e grátis para quem esta começando é o Feedburner, eu acabei de postar um artigo sobre como oferecer um ebook em troca do e-mail no Feedburner vale muito a pena dar uma olhada.

O Feedburner atualmente é uma incógnita, muitos dizem que vai acabar, mas esse fato pode não ocorrer. A vantagem do feedburner é que ele proporciona ao leitor mais comodidade, eu mesmo tenho assinado vários blogs dos meus amigos blogueiros e gosto desse conforto.

A pequena desvantagem de usar o feedburner  é que dificilmente esses leitores que o assinam vão comentar o artigo, mas mesmo assim é muito vantajoso usá-lo, pois ele fideliza o leitor o deixando ciente de todas as nossas publicações.

Outra ferramenta muito usada são os autoresponders, que na minha opinião é a melhor forma de construir uma lista de emails. A estratégia basicamente é essa: você coloca uma caixa de subscrição ou Pop-up em seu blog e essa ferramenta se encarregará de captar o email dos interessados em fazer parte da lista, seja para receber notícias, boletins ou promoções.

Aumente seus contatos nas redes sociais

Veja agora como não depender do Google através das redes sociais. As redes sociais é sem dúvida uma das melhores fontes de tráfego que existe, grandes blogs como Não Salvo, Bobagento e outros grandes portais tem boa parcela de suas visitas vindas das redes sociais, eu diria que até 60% das visitas.

Estar presente nas redes sociais hoje em dia é sinônimo de sucesso, claro que trabalhando corretamente.  Não adianta entupir a Timeline dos seus amigos de spam, as redes sociais devem ser trabalhadas segundo a lei de Pareto dos 80/20. Ou seja, 80% dos seus conteúdos devem ser informativos e que agreguem algum valor ao seus leitores, pode ser até alguma coisa de entretenimento, fotos e vídeos.

E 20% deve ser conteúdo promocional e publicidades. Seguindo essa lei com certeza obteremos o retorno esperado, pois primeiro ganhamos a credibilidade necessária para aí sim tentarmos algo que nos gere lucros.

Faça grandes parcerias

Fazer parcerias é uma atitude saudável e ajuda no crescimento do blog, mas eu digo parcerias sérias e não uma mera troca de links. Você pode ser parceiro de um blog quando linka em artigo dele, obviamente quando se trata do mesmo tema, exemplo:

Se  eu escrevo um artigo sobre redes sociais e tem outro blog que também escreveu um artigo que poderá ajudar o meu leitor, por que não linkar? Isso é uma parceria saudável na blogosfera.

As parcerias podem alavancar e muito um projeto online, e pode ser um escape nos tempos de crise do Google, sabe aquela tempo que os buscadores simplesmente te ignoram?

Pois é, ter outras fontes de visitas vai ser crucial daqui pra frente, este ano promete, mas temos que ficar atentos e montar uma boa estrutura para nosso projeto continuar firme e forte por muitos anos.

Espero que tenham curtido o artigo “como não depender do Google”. Claro que devemos contar com o Google para muitas coisas e se ele for nosso amigo é bem melhor!

COMPARTILHE

Claudio Gomes Silva Leite
Claudio Gomes Silva Leite12 Seguidores 34 Publicações Administrador de Redes
Seguir

Comentários