Portal GSTI
Portal GSTI

PublicarCadastre-seLogin
Menu
Publicação

Etapas para criação de sites

foto de
Claudio Gomes Silva Leite

Se você pretende trabalhar serio com a criação de sites é importante saber que além de aprender sobre as linguagens e tecnologias necessárias para o desenvolvimento assim como conhecimento de programas que precisará usar, como editor de textos e códigos, programas de FTP instalação de servidores locais, é também importante que você tenha uma metodologia de desenvolvimento.

Todo Web Design ou Webmaster precisa seguir um cronograma padrão que servirá de base para o desenvolvimento de sites de clientes. É claro que poderão acontecer variações dependendo de situações específicas, porém manter uma linha de trabalho padronizada poderá lhe ajudar muito na organização das ideias assim como economia de tempo.

Vamos ver então quais são as etapas para criarmos um cronograma coerente e eficiente.

Reunião inicial com o(s) cliente(s)

Em uma reunião inicial com o seu cliente ou clientes no caso da empresa possuir sócios por exemplo, você irá se inteirar do objetivo do site e qual será o público alvo. Assim como definir se o site poderá ser estático ou terá a necessidade de ser dinâmico e qual o grau de dinamismo, se você precisará usar sistemas dinâmicos complexos ou apenas sistemas muito básicos.

É necessário também saber o que o cliente pretende no futuro para o site pois, por exemplo, ele no inicio não pretende realizar vendas no site mas no futuro pretende adicionar essa funcionalidade. Então você precisará desenvolver o site de maneira a facilitar essa implementação, pois sem um planejamento anterior você poderá tem mais dificuldades ou até mesmo precisar reformular o site, simplesmente por não ter feito um planejamento anterior para todas a implementações que o seu cliente já demonstrou desejar para o futuro.
Reunir todo o material necessário

É um grande erro construir o site primeiro e só depois dele pronto pedir ao cliente o material que ele que inserir, como textos vídeos e fotos.

Você pode perceber que algum tipo de material não se encaixa bem no layout atual do site, portanto se  o cliente ainda não tem todo material necessário para disponibilizar, combine com ele o fornecimento do material completo em uma próxima reunião.
Monte um fluxograma

Antes mesmo de pensar no layout, monte um fluxograma baseado nas informações fornecidas pelo cliente.

Organize a estrutura de navegação, como: quantas páginas o site terá inicialmente. A página principal terá links internos para quais outras páginas e da mesma forma quais os links das páginas internas.

Procure fazer uma estrutura simples e reduzir ao máximo subníveis de páginas pois quanto mais cliques o usuário tiver de dar para chegar a uma determinada página mais difícil será o site ser bem aceito. Então coloque no máximo dois subníveis de links.

Fazendo rascunhos das páginas

Ainda antes de começar a desenhar o layout faça rascunhos da página principal e das secundárias em um programa de desenhos gráficos como o Corel Draw, ou de imagens como o Photoshop, se não tem conhecimento seria bom fazer um curso de Photoshop e CorelDraw,  online mesmo se não tiver em sua cidade.

Montando o Layout

Aqui vai uma dica: criar layouts obviamente gasta tempo, e tempo é dinheiro. Sua capacidade de ganhar dinheiro criando sites está intimamente ligada a sua capacidade de produção, portanto combine com o seu cliente que você fará um determinado número de variações no layout e à partir daí, se ele não gostar de nenhum, haverá custo para criação de um novo layout ou modificações.

Você precisa fazer o cliente entender que isso demanda tempo e imagine passar um mês inteiro só refazendo o layout até que seja aprovado pelo cliente, sem cobrar nenhum valor adicional por isso! você vai trabalhar o mês todo de graça?

Bom baseado no modelo, monte uns três layouts, mas apenas em um arquivo gráfico. Não gaste seu precioso montando toda a estrutura funcional para esses três layouts sendo que irá usar apenas  um.

Mostre ao cliente e só depois dele escolher um é que você irá monta-lo.

Faça um teste completo antes de mostrar ao cliente

O processo de criação de um site é bastante cansativo e pode ser que no final você já esteja tão cansado que não se sinta disposto a testar minuciosamente todo o site, mas isso seria um erro, pois se algo sair errado quando for apresentar ao cliente ele pode perder a confiança em você.

É ideal que teste pelo menos nos 3 ou 4 principais navegadores, faça testes online e offline e também nos mesmos navegadores em outros computadores, em uma Lan House por exemplo.

Já houve um caso em que montei us site e testei no Fire Fox no meu computador e estava tudo normal, depois testei no computador de um amigo, também no Fire Fox e o texto estava dando problemas, exibindo caracteres estranhos. E nesse caso você precisa detectar o problema e corrigir ou pelo menos descobrir porque um mesmo tipo de navegador está apresentando configurações diferentes, para que se acontecer com o navegador do seu cliente você possa mostrar que o problema está com as configurações do navegador e não com o site em si.
 Conclusão

Mantendo um padrão organizacional de desenvolvimento você terá maiores chances de também manter um padrão de qualidade, portanto ter uma metodologia apropriada é extremamente necessário e com o tempo isso se tornará tão automático que nem perceberá.

Comentários