Portal GSTI
Portal GSTI

PublicarCadastre-seLogin
Menu
Publicação

Negócios na web e como escolher o melhor modelo para você?

foto de
Claudio Gomes Silva Leite CONTEÚDO EM DESTAQUE

Para simplificar, existem três grandes famílias, para a nossa escolha:

A venda de produtos físicos, referindo-se ao e-commerce.

Publicidade, em blogs, portais, oferecendo seus serviços em troca de publicidade.

A venda de serviços, direta ou indiretamente.

Convido você a refletir sobre estes três modelos diferentes, com a idéia de ajudar a definir o modelo que melhor lhe convier.Tipos de negócios na Internet:
 
# 1 Comércio eletrônico

Você já ouviu falar de Dropshipping?

Há uma maneira muito pouco explorada que é o DropShipping. São atacadistas, normalmente chineses, que compram e fornecem os produtos para você. Este tipo de negócio se levado a sério e se gerenciado por quem tem um pouco de conhecimento em ambientes virtuais com o mercado como o da China pode fazer toda a diferença. Ele atrai clientes importantes em vista dos preços, e também porque a formatação da logística de entrega não é muito caro.

Você pode montar uma loja online e se dedicar a vender estes produtos, mas procure formalizar a operação da melhor forma possível e procure ter mais do que uma alternativa de fornecedores.

É claro que, para explorar este modelo, você precisa ter uma bela rede de contatos, possuir uma base de clientes anteriores, e um blog forte estas são ferramentas essenciais para vender mais e melhor.

Um exemplo de dropshipping poderia ser o caso de uma ONG como um complemento aos modelos tradicionais (parceiros e patrocinadores) para questões de merchandising de produtos e / ou produtos de apoio.

# 2 Publicidade

É uma maneira bastante dificil de ser explorada, mas como é muito citada pelos “gurus” da web, temos que cita-la, mas é um mercado para poucos. É um modelo tradicional, mas é indicado para blogs grades e tradicionais. Com trafego acima do normal. Os grandes portais e as grandes redes blogs
 
# 3 Serviços profissionais

Sua preocupação deve ser ter um negócio bem sucedido, não um blog de ​​sucesso. Você pode usar o blog de ​​outra forma, um blog que serve aos objetivos do seu negócio e não tem que transformar o blog no seu negócio e sim o seu negócio utilizar o blog para divulgar seus serviços de freelancer. Aplica-se a todos os serviços profissionais quer sejam consultores, gestores, técnicos, designers, redatores e outras atividades.
 
#4 Como escolher o caminho certo para você?

Nestes tempos, muitas pessoas às vezes sem uma preparação prévia e adequada se aproximam da internet e já querem montar um negócio. Minha dica para estas pessoas é sempre a mesma:

Monte um negócio num nicho que conheça. Não vá ser um redator, por exemplo, se você não tiver as qualificações necessárias.

Monte um negócio baseado nas coisas que você saiba fazer e principalmente, que você goste de fazer.

Monte um negócio que ajude as pessoas a resolver um ou mais problemas específicos no seu dia a dia. Que venha a somar interagir com elas. Se você não sabe muita coisa do negócio, estude, leia, especialize-se, conheça profundamente o formato.

Sempre faça a seguinte pergunta a você mesmo: Onde é que eu posso agregar valor? Esta é a pergunta chave.
 
#5 Coisas que você não deve fazer.

Vamos ser práticos e iniciar a base e não o teto.
 
Não monte uma loja online, se você não tem experiência anterior no setor de varejo.

Não monte um portal acreditando que você vai ser financiado por publicidade.

Não monte uma plataforma, se você não souber de desenvolvimentos tecnológicos.

Não monte um blog sobre um assunto que você não conhece.

Não pense somente em como ganhar dinheiro, mas em ajudar as pessoas também.

Não pense em resultados imediatos.

Se você vier a ganhar somente com 3 anos mas com dignidade, você ganhou a parada!

Comentários