Portal GSTI
Portal GSTI

PublicarCadastre-seLogin
Menu
Publicação

Páginas AMP x Google Adsense

foto de
Marco Mascarenhas CONTEÚDO EM DESTAQUE

Imagem do Google Search Console mostrando a retirada das páginas AMP


Como para uma página ser considerada AMP você precisa configurar ela seguindo um padrão preestabelecido pelo Google e que prioriza completamente o conteúdo em detrimento as publicidades, eu achei por bem remover as páginas AMP.

Normalmente, os sites que trabalho usam carregamento assíncrono de publicidade, o que já torna a entrada dos anúncios mais demorada, mas com o AMP o meu sentimento é que as pessoas liam o conteúdo e praticamente não viam mais esses anúncios. Talvez seja porque o tempo médio do site em questão seja baixo.

Enfim, essa foi minha experiência com páginas AMP. Eu acredito que seja uma tendência, que futuramente voltarei a utilizar nos projetos que trabalho, mas, nesse momento,  o aumento do número de visitas não refletiu positivamente no retorno financeiro.  

Hoje, priorizei o financeiro em relação ao #SEO, mas nem sempre será assim. É importante também pensar a longo prazo.

Comentários