Portal GSTI
Portal GSTI

PublicarCadastre-seLogin
Menu
foto de
Fernando Palma

BYOD: Bring Your Own Device

Bring Your Own Divece: o que é? Envolve Política? Quais benefícios? E a segurança?

 Bring Your Own Divece, (em português: traga seu próprio dispositivo) , é uma sigla que traduz a tendência de profissionais levarem cada vez mais os seus próprios dispositivos para o trabalho, fato que é uma consequência do crescimento exponencial do uso de dispositivos móveis .

Existem referências ao mesmo conceito com o uso de uma sigla semelhante: Bring Your Own Technology (BYOT). 

A adoção por uma empresa de uma política baseada em #Byod admite que os profissionais estejam livres para usar os seus aparelhos no ambiente de trabalho de forma personalizada, seja par acessar e-mails, manipular documentos ou mesmo para executar uma transação financeira.

Quem tem contato com o assunto pela primeira vez, provavelmente irá questionar: aderir a cultura baseada em BYOD expõe a organização a riscos? 

A resposta é que tal exposição será um aspecto negativo a ser percebido pela empresa que não estiver planejada adequadamente para operar dentro da cultura de BYOD. Trago mais informações sobre este aspecto nos itens 2) e 3) deste artigo.

Existem outros dois pontos quais destaco como recorrentes quando ocorrem debates sobre este assunto:

      • O primeiro é potencial em redução de custos , já que pressupõe menor investimento em equipamentos ;
      • o segundo é o percepção de que é cada vez mais inevitável admitir o uso de dispositivos pessoais nas empresas e portanto BYOD seria uma imposição e não opção.

      A seguir proponho algumas reflexões sobre Bring Your Own Divece, passando por diversos aspectos relacionados ao tema, tais como os citados na introdução. Tais aspectos estão enumerados na estrutura de tópicos disposta a seguir, fazendo referência também a materiais e vídeos complementares propostos.

      BYOD: Estrutura deste artigo

      Confira a seguir o índice deste artigo e sinta-se a vontade de ir direto a um tópico que mais desperte seu interesse, se for o caso, pois a compreensão de um tópico não depende dos seus antecessores/sucessores.

      • 1) BYOD: os benefícios
      • 2) BYOD e Segurança da Informação
      • 3) Outros desafios / riscos
      • 4) Política BYOD (BYOD Policy)
      • 5) Vídeos sobre BYOD
      • 6) Apostila sobre BYOD
      • 7) Outros Links

      1) BYOD: os benefícios

      Os principais benéficos conhecidos para a organização que se deixa inserir em uma política de BYOD são a maior produtividade, a redução de custos , a satisfação do funcionário e a inovação . Tais pontos positivos são analisados separadamente a seguir.

      1.1) Maior produtividade

      Se a desculpa das empresas para não aderir a BYOD já foi o medo de que os dispositivos móveis provoquem a distração dos funcionários, que podem desviar sua atenção para conteúdos pessoais, outros aplicativos ou jogos, pesquisas afastam este receio apontando justamente o oposto: líderes de departamentos de TI observam melhores resultados durante experiências com políticas empresariais baseadas em BYOD (ver imagem 01).

      1.2) Redução de custos

      Este fenômeno se dá simplesmente pelo fato dos funcionários passarem a custear parte dos recursos necessários para o trabalho.

      1.3) Melhor satisfação do funcionário

      As pessoas geralmente gostam da possibilidade de combinar sua vida profissional e pessoal, unificando os dispositivos computacionais e se demonstram satisfeitas as atividades, recursos e ferramentas de trabalho tronam-se mais acessíveis.

      A melhor satisfação no trabalho é apontada por muitas das pesquisas como um dos maiores benefícios do BYOD.

      1.4) A inovação

      Os funcionários de uma organização que possui política BYOD mantém liberdade para decidir quais ferramentas utilizar para seu trabalho, como farão isso e onde. Tal flexibilidade abre portas para maneiras diferentes de realizar as tarefas.


      Imagem 01- Benefícios do BYOD (pesquisa pela CISCO)

      Benefícios do BYOD (pesquisa pela CISCO)

      2) BYOD e Segurança da Informação

      2.1) Ameaças à confidencialidade da informação (?)

      Quando organizações interpretam a cultura do BYOD como um risco para a o sigilo de suas informações, na maioria das vezes este receio se dá por fragilidade ou mesmo inexistência de politicas apropriadas.

      A segurança da Informação cada vez mais está voltada para pessoas, atribuindo a estas a real responsabilidade por proteger a informação, independente dos recursos ou meios que estejam à sua disposição.

      Em outras palavras, a responsabilidade por manter confidencialidade da informação é uma responsabilidade que deve ser atribuída aos profissionais de toda e qualquer organização.

      Segundo especulações do próprio mercado, as pessoas ainda entenderão, um dia, que "furtar" uma informação da empresa é um delito tão grave quanto furtar um outro ativo de valor, como um notebook, e responderão criminalmente por ambos, em níveis equivalentes.

      É importante que a organização invista em uma política de BYOD , defina um acordo de confidencialidade e não divulgação , sem dispensar, claro, um bom controle e monitoramento de acessos.

      2.2) Ameaças à integridade e disponibilidade da informação (?)

      Segundo organizações que adaptaram sua cultura ao uso de mobile/BYOD, as maiores preocupações estão - de fato - voltadas para ameaças de vírus, invasões de rede e Malwares.

      A segurança de rede é reconhecida, portanto, como um dos maiores desafios para que empresas adotem a tendência .

      É possível que os dispositivos móveis mudem a forma como é mantida a segurança da informação (veja mais sobre este fenômeno no artigo: BYOD e BYOC Security Concerns may Change Everything ) .

      3) Outros desafios / riscos

      Algumas outras questões que preocupam os líderes de TI:

      • Como lidar com a questão considerando as Leis trabalhistas? ( Há casos em que, por estar conectado 24 horas por dia, 7 dias por semana, o colaborador reivindica horas extras ).
      • Funcionários podem perder seus dispositivos móveis com informações sigilosas da empresa.
      • Como conviver com necessidade de verificar a segurança nos dispositivos e mantê-los de forma adequada se estes não pertencem a organização?

      4) Política BYOD (BYOD Policy)

      Veja um modelo desta Política: Exemplo de política BYOD

      5) Vídeos sobre BYOD

      Muita boa palestra sobre mobilidade, cloud computing e BYOD

      Vídeo introdutório sobre BYOD (em inglês)

      6) Apostila sobre BYOD

      A apostila a seguir foi elaborada pela CISCO e foi utilizada também como referência para este artigo.

      Pesquisa sobre BYOD ( download aqui

      7) Outros links

      Seguem algumas indicações que eu separei para quem tiver interesse a ler mais sobre este tema:

      Continue estudando mobile, BYOD e segurança no Portal GSTI:

      COMPARTILHE

      Fernando Palma
      Fernando Palma199 Seguidores 573 Publicações Consultor de TI, CEO
      Seguir
      Sou fundador e CEO do Portal GSTI, Consultor, professor e instrutor em Governança de TI e Gestão TI. Graduado em SI, mestrando em administração, Certificado ITIL Expert, ITIL Manager, COBIT, OCEB, ISO 20k, e ISO 27k.

      Comentários