Portal GSTI
Portal GSTI

PublicarCadastre-seLogin
Menu
foto de
Marcelo Gaspar

Desvendando o BPM parte 17


Desvendando o BPM parte 17 -

Transformação de processos



bpm

Amigos leitores estamos no nosso 17º artigo da série desvendando o BPM e nele vamos dar continuidade a abordagem sobre transformação de processos , baseando-se no g uia para o gerenciamento de processos de negócio – Corpo comum de conhecimento - CBOK® (ABPMP) versão 2.0. 2009.

No artigo anterior, Desvendando o BPM (parte 16) , falamos sobre falamos sobre o que é transformação de processos e sobre algumas metodologias, agora nós vamos abordar redesenho, reengenharia e implementação.

Segundo o CBOK® (ABPMP) , redesenho é repensar ponta-a-ponta sobre o que o processo está realizando atualmente. É diferente de melhoria de processo, pois toma uma perspectiva holística para o processo em vez de identificar e implementar mudanças incrementais.

Já quando falamos em reengenharia , a qual sua premissa é uma mudança radical no processo ao longo da organização, trazendo melhorias de desempenho, na mesma chama atenção os seguintes princípios:

  • Organizar focando nos resultados e não de tarefas;
  • Ter aqueles que utilizam a saída do processo executando o processo;
  • Mesclar informação – processar tarefa dentro do trabalho real que produz a informação;
  • Os recursos geograficamente dispersos são tratados como se fossem centralizados;
  • Fazer a conexão de atividades paralelas ao invés de integrar seus resultados;
  • Inserir o ponto de decisão onde o trabalho é executado e construir controle dentro do processo;
  • Coletar informação uma vez

Quando partimos para a implementação temos que entender o que estamos abordando, conforme abaixo:

  • Implementação do desenho aprovado do processo de negócio em procedimentos e fluxos de trabalho que sejam operacionais, como também aprovados, documentados, testados.
  • Está em seu escopo também a implementação de revisão ou novas políticas e procedimentos.
  • Para não fugir do que foi planejado, somente mínimos ajustes devem ocorrer durante a implementação.
  • Implementar o BPM - Business Process Management ou Gestão de Processos de Negócio trabalha com a com a criação de uma infra-estrutura para a organização gerenciar seus processos de negócio e definindo também o modo como irão ser gerenciados.
  • Uma das principais premissas para se obter sucesso da implementação é o apoio, aceitação e suporte real e continuado dos patrocinadores de gerencia sênior, donos do processo e executores do processo.
Fase de implementação
  • Conforme o tipo de implementação a escala e a complexidade de novos ou revisados fluxos de trabalho, tarefas, procedimentos, regras de negócio e políticas aumentam e por conseguinte cada vez mais se fará necessário a adoção de práticas formais de gerenciamento de projeto e de mudanças.
Atividades de implementação


  • As tarefas devem ser integradas consistentemente para se ter sucesso no projeto de BPM;
  • Quando se tratar de implementações com esforços de menor escala devemos documentar a melhoria, explicá-la para o executor, fazer o teste da melhoria dentro de sua necessidade, registrar a melhoria de desempenho esperada para o monitoramento do processo de negócio.

Aguardo vocês para o próximo e espero que tenha contribuído, por favor deem sua opinião é muito importante o seu feedback !

Dica!
Veja algumas leituras recomendadas para o tema BPM:

Leia os outros artigos desta série:
Esperamos que o conteúdo tenha sido útil!

ATENÇÃO!! Não vá embora ainda! Nós temos um pedido importante: compartilhe esta publicação!! Use os botões de redes sociais disponíveis logo abaixo. Ajude a divulgar o nosso trabalho! Caso deseje acompanhar nossas publicações nos siga no Facebook , Linkedin ou por Email . O Portal GSTI agradece sua visita!

COMPARTILHE

Marcelo Gaspar
Marcelo Gaspar3 Seguidores 58 Publicações
Seguir

Comentários